sexta-feira, 24 de maio de 2013

Indignação de torcedores e diretoria do Cruzeiro tem fundamento

Por um lado SIMULAÇÕES. Por outro lado omissão do árbitro. Fora isso ainda tivemos a ação galinácea de pessoas da Minas Arena que num momento que a Torcida Azul cantava o hino do Cruzeiro, soltaram o hino gaylo para abafar a manifestação da nossa torcida.

Vamos aos FATOS:


Vítor, o goleiro SIMULOU ter levado um soco de Borges quando mal mal teria levado um empurrão. Conseguiu um cartão amarelo para o atacante, o que talvez tenha sido importante na decisão do técnico de substituí-lo posteriormente.

O Rosaldinho deu uma cabeçada digna de luta de MMA em Leandro Guerreiro e o juiz só lhe deu um amarelo. ABSURDO! Agressão é punida SEMPRE com cartão VERMELHO, mas o juiz AMARELOU e o puniu com o amarelo como se ele tivesse sido imprudente. Medo de punir jogador famoso??? Medo de mudar o panorama do jogo com aquela expulsão???

O "pênalti" no atacante Luan NÃO EXISTIU segundo vários comentaristas, mas o juiz marcou pois havia marcado 02 penais para o Cruzeiro que REALMENTE OCORRERAM.

Rosaldinho após o gol gaylo no penal que não existiu INCITOU VIOLÊNCIA com sua comemoração esdrúxula simulando estar mandando uma granada sobre a torcida. O juiz viu e fingiu que não viu.

Um dirigente da base do Cruzeiro foi indiciado e multado pelo TJD por ter dito uma palavra (mal colocada segundo o mesmo) que seria uma incitação a violência. A multa foi de 50 MIL REAIS e mais uma punição de 360 dias.

Hino do rival é tocado num jogo em que o Cruzeiro é o mandante. A Minas Arena diz que isso fazia parte da cerimônia de entrega dos troféus ao campeão da Federação Mineira que negou que tenha dado essa orientação a quem quer que seja.

"Nota sobre a arbitragem: Normalmente não comentamos sobre isso, mas o Leandro Pedro Vuaden faltou à aula sobre cama-de-gato. Quando não marcou, inverteu. Na confusão durante a expulsão de Luan, viu a briga (com a participação dos respectivos bancos) e não expulsou ninguém. E o pênalti em Luan não existiu. Já passou da hora de pararmos de endeusar um árbitro que, a despeito de fazer o jogo fluir, não marca faltas que realmente aconteceram.( extraído do site Esquemas Táticos )"

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map