segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Cássio e arbitragem conseguem segurar o Cruzeiro:0x0

Corinthians 0x0 Cruzeiro - Pacaembu - 23ª rodada - Camp. Brasileiro 2013 
O 1º milagre de Cássio. Se sucederam vários outros.
Cássio & Cia.
Foi uma combinação perfeita para por abaixo os planos de mais uma goleada Celeste. Só no 1º tempo, com absoluta certeza, não fosse a ótima atuação da dupla Cássio e arbitragem teríamos saído com pelo menos 3x0. Com uma vontade muito grande marcar tudo que parecesse falta de Cruzeirenses e ignorando um pênalty claro em Borges feito por Gil, na linha de fundo a arbitragem fez sua parte, a outra, mais difícil e de maior valor foi feita pelo goleiro Cássio que nunca deve ter feito uma partida TÃO PERFEITA quanto a de ontem no Pacaembu.

O jogo.
O Corinthians, covardemente jogava acuado como um time pequeno em seus domínios. O Cruzeiro dominou a partida e comandou as ações em todo o 1º tempo. Foram dezenas de chances e pelo menos a metade delas foi de lances perigosíssimos onde a ação do goleiro foi vital para a manutenção do placar nos zero a zero. No 2º tempo o Cruzeiro voltou meio desligado, meio relapso. Nem assim o time paulista conseguiu dominar o jogo, mas visivelmente estava melhor que o Escrete Azul. Ainda tivemos boas chances mas a sorte parecia ter nos abandonado... parecia pois ao finzinho do jogo quando Júlio Batista perdia mais um "gol feito" o Bahia virava o jogo no Maracanã em cima do vice-líder o que acabava por aumentar nossa vantagem.

Quem é quem.
Neste Cruzeiro surpreendente de 2013 não podemos deixar de pinçar, embora todo o nosso elenco tem funcionado bem, alguns grandes destaques. Além dos conhecidos Mayke, Everton Ribeiro, Egídio, Dedé e Bruno Rodrigo, outros estão aparecendo muito bem. É o caso do Nilton, Willian e Lucas Silva. O diferencial de 2013 no Cruzeiro é sem dúvidas o conjunto. Haja vista que não temos nenhum jogador muito acima dos outros. Na artilharia Nilton e Ricardo Goulart, empatados com somente 6 gols, mas temos o melhor ataque e a 2ª melhor defesa (há que se considerar que o time que ataca mais se expõe mais) e a maior quantidade de jogadores artilheiros. Nosso maior artilheiro não tem nem a metade do artilheiro do campeonato, mas temos uma penca de artilheiros. Esse é um dos quesitos que comprova o funcionamento coletivo do time. E pode ser esse nosso melhor trunfo. Não dependemos de um ou outro talento, temos um conjunto talentoso.




FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 0 X 0 CRUZEIRO
Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 22 de setembro de 2013, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Felipe Gomes da Silva (PR)
Assistentes: Rodrigo Henrique Corrêa (RJ) e Luiz Antônio Muniz de Oliveira (RJ)
Público: 27.053 pagantes
Renda: R$ 846.011,00
Cartões amarelos: Emerson, Paulo André (Corinthians); Ricardo Goulart, Lucas Silva (Cruzeiro)
CORINTHIANS: Cássio; Edenílson, Gil, Paulo André e Igor; Maldonado e Ralf; Danilo, Romarinho, Douglas e Emerson (Alexandre Pato)
Técnico: Tite
CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Dedé, Bruno Rodrigo e Egídio; Nilton, Lucas Silva, Everton Ribeiro e Ricardo Goulart (Anselmo Ramon); Willian (Dagoberto) e Borges (Julio Baptista)
Técnico: Marcelo Oliveira

4 comentários:

Anderson Ribeiro disse...

Carlão, pena que não conseguimos mais 3 pontos, mas tamos firme na luta pertinho do título, nós merecemos!!! Grande abraço, na torcida!

Walterson disse...

Carlão, o diferencial deste time é realmente o conjunto onde todo mundo procura jogar coletivamente. Por isso o Dagoberto ficou tão puto quando o JB não passou a bola, inclusive para retribuir o presente que ele lhe deu contra o Bostafogo. O JB está destoando do time neste quesito, alem de não estar jogando nada.

Carlão Azul disse...

Anderson, pena mesmo. Mas dos males o menor, o Botafogo não somou pontos e conseguimos aumentar nossa diferença, menos mal.
Forte abraço pra ti também.

Wallterson, não posso discordar de você, ele ( JB realmente ainda não esta jogando nada. Deu muita sorte nos outros jogos, mas é nítido que ele esta num ritmo diferente e abaixo dos demais. Creio até que o Marcelo errou por coloocá-lo já no início do 2º tempo. Quanto a fominhagem acho que podemos perdoá-lo DESSA vez, mas ele que não repita pois realmente no lance que citou o Dagol deu uma bola açucarada para ele marcar.

Anderson Ribeiro disse...

Carlão, agora com 11 pontos de vantagem, aproximamos cada vez mais do título! Avante Cruzeiro!
Saudações Celestes!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map