quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Cruzeiro massacra mais um: agora foi a vez da Portuguesa, 4x0

Cruzeiro 4 x 0 Portuguesa - Mineirão - 25ª Rodada - Camp. Brasileiro de 2013 
Borges quando não fez deu assistências perfeitas.

Um time perfeito? Falta o título para "cristalizar'  isso, mas tem sido um time onde o conjunto é o destaque.

Gols, muitos gols
O Cruzeiro promoveu uma chuva de gols sobre aquele que junto ao próprio Cruzeiro tem a melhor campanha no 2º turno desse campeonato. O Time Celeste não deu chances à Portuguesa de respirar e logo aos 5 minutos o Cruzeiro já abria o placar da goleada com Everton Ribeiro que aproveitou o rebote no chute de Borges que bateu na trave. Aliás jogada digna de um grande atacante que é o Borges. O que Borges proporcionou a E.Ribeiro, Ricardo Goulart retribuiu. Após seu chutaço bater na trave, Borges estava lá para empurrar para o gol. E o Borges estava mesmo CELESTIAL (que infernal que nada). Numa assistência de E.Ribeiro, Borges na direita dá um passe açucarado para que Willian complete para o gol. Não perca a conta, até aí estávamos com 3x0. Não se passaram 2 minutos e numa confusão na área a bola sobra novamente para Borges que não perdoa e fecha o placar. Foram necessários somente 29 minutos para o Cruzeiro liquidar com as pretensões da Portuguesa.
 
Desafio do Marcelo
Não podemos deixar de parabenizar o goleirão Fábio, que já tem mais de 500 jogos pelo Cruzeiro. Ele foi sem dúvidas o vencedor do desafio feito no intervalo pelo técnico Marcelo Oliveira aos jogadores Celestes. Tivemos alguns erros mas Fábio não deixou que o Cruzeiro levasse gols com suas intervenções perfeitas e o Cruzeiro continua provando que além de goleador é um time que tem um sistema defensivo consistente o que mais que explica, mais, escancara um quesito fundamental e que plenamente justifica o super desempenho Celeste neste Brasileirão: o equilíbrio!

Calma e foco
É preciso foco e muita calma. Não podemos deixar que o time se contagie com o sentimento mais que natural e esperado da Torcida Celeste. Todos estão com o discurso afiado, mas o Cruzeiro não pode bobear e tem de monitorar muito bem para que o clima de fora não faça estragos dentro do Clube. Ainda é cedo para euforia (no elenco) pois faltam no mínim 5 ou 6 vitórias para que possamos sim gritar É CAMPEÃO, É TRI-CAMPEÃO!!!



FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 4 X 0 PORTUGUESA
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 02 de outubro de 2013, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima
Assistentes: Kleber Lúcio Gil e Luís Carlos Camara Bezerra
Cartões amarelos: (Cruzeiro) Borges, Egídio (Portuguesa) Souza
Gols:
Cruzeiro: Everton Ribeiro, aos cinco, Borges, aos 15 e aos 28 e Willian, aos 27 minutos do primeiro tempo
CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Dedé, Bruno Rodrigo e Egídio; Nilton, Lucas Silva, Everton Ribeiro (Lucca) e Ricardo Goulart; Willian (Vinícius Araújo) e Borges (Dagoberto)
Técnico: Marcelo Oliveira
PORTUGUESA: Lauro; Corrêa, Moisés Moura, Valdomiro e Rogério; Ferdinando (Wanderson), Bruno Henrique, Moisés, Luis Ricardo e Souza (Cañete); Gilberto (Bergson)
Técnico: Alexandre Faganello

Um comentário:

Anderson Ribeiro disse...

Carlão, o Cruzeiro nos surpreende a cada dia! Eta coisa boa!
Grande abraço!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map