segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Eficiente, Cruzeiro goleia o Santos: 3x0

Cruzeiro 3 x 0 Santos - Mineirão - 15ª rodada - Brasileiro 2014 
Marcelo Moreno volta a marcar e abre caminho para a goleada Celeste.
Fregues
O Santos pode ser considerado um freguês top do Cruzeiro. Sempre tivemos bons jogos e consequentemente boas vitórias em jogos importantes com o time paulista. Foi em cima do Santos de Pelé que conquistamos nosso primeiro Grande Troféu, a Taça Brasil de 1966 com uma vitória no Pacaembu por 3x2 em 30/11 e uma sonora goleada no Mineirão em 07/12/1966 por 6x2. O Cruzeiro permaneceu invicto nesta competição. Em 2003 novamente encontramos o Santos em jogos decisivos e vencemos na Vila Belmiro por 2x0 e aqui por 3x0 no 2º turno e novamente fomos campeões brasileiros. Em 2013 empatamos em casa em 0x0 e vencemos na cidade de Santos por 1x0. O jogo de ontem foi um dos grandes jogos deste brasileiro com ótimos lances e muita ofensividade. Embora o placar tenha sido de goleada neste jogo, como nosso comandante bem disse, após a partida: “Foi ótimo, um jogo extremamente difícil.”.

O jogo
Como o técnico mesmo disse o jogo não foi fácil. Os 3 a 0 do placar não refletem as dificuldades enfrentadas pelo Cruzeiro. Mas o Maior de Minas soube administrar estas dificuldades e foi EFICIENTE quando teve suas oportunidades. Ainda tivemos um gol anulado que podemos acreditar diante dos fatos passados que poderia bem ter sido validado se fosse em situação oposta, ou seja, se fosse CONTRA o Cruzeiro. De tudo, o cartão amarelo para Everton foi exagerado. O time foi bem em campo e dominou as ações nos 90 minutos. O Santos jogava no contra ataque, apostando nos nossos erros que quase não ocorriam. Aos 23 do 1º tempo, após cobrança de falta de Everton Ribeiro, Marcelo Moreno cabeceia e conta com falha do goleiro Aranha. Ricardo Goulart, impedido tenta mas NÃO TOCA NA BOLA. Imprensa BAIRRISTA PAULISTA (Band) chora até agora dizendo que lance foi irregular. Para acabar logo com as pretensões santistas, aos 3 minutos do 2º tempo Egídio em boa arrancada dá o passe para Willian que cruza para Ricardo Goulart que adentra a área e fuzila marcando o 2º gol Celeste. Para tampar o caixão do Peixe, Everton Ribeiro faz belo lançamento para Júlio Batista que se desvencilha de E.Dracena e chuta forte para fazer o 3º do Cruzeiro.

Marcelo Oliveira
Nosso Comandante Azul completou na tarde de ontem seu centésimo jogo na frente do Cruzeiro. Foram jogados, e bem jogados diga-se de passagem, 100 jogos (67 vitórias, 18 empates e 15 derrotas) o que perfaz a incrível marca de 73,7% de aproveitamento. O técnico Marcelo Oliveira vive um momento ímpar em sua carreira e conta atualmente com o respeito e a admiração da Nação Azul. A propósito, os Azuis deram um show ontem quando mais de 42.000 torcedores assistiram mais uma exibição de gala do Time de Marcelo Oliveira.
 
Campeonato
O Cruzeiro não tem concorrentes no mesmo nível. Alguns times vem se esforçando para chegar perto do Líder, mas em condições NORMAIS não teria para ninguém. Não fossem as manhas e artmanhas da arbitragem CONTRA O CRUZEIRO desde o início do campeonato já estaríamos, CONTRA A VONTADE DA GLOBO-CBF DISPARADOS na frente com pelo menos 9 pontos de diferença para o vice-líder. Não é soberba nem babaquice, mas falemos sinceramente, o Cruzeiro esta a frente de qualquer outro time brasileiro no momento. É só continuar, sem mudar nada, o que tem feito, driblar as sacanagens da arbitragem que levantaremos a taça pela 4ª vez, com certeza. Avante CELESTE.



FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 3 X 0 SANTOS
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 17 de agosto de 2014, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes:Rafael da Silva Alves (RS) e Alexandre Kleiniche (RS)
Renda: R$ 2.047.658,00.
Público:- 39.215 pagantes (41.967 no total)
Gols: CRUZEIRO: Marcelo Moreno, aos 24 minutos do primeiro tempo. Ricardo Goulart, aos 2 do segundo tempo. E Julio Batista aos 42 do segundo tempo.
Cartões amarelos: CRUZEIRO: Éverton Ribeiro, Mayke e Julio Batista. SANTOS: Alan Santos.
CRUZEIRO: Fábio; Mayke (Ceará), Dedé, Léo e Egídio; Lucas Silva, Henrique, Everton Ribeiro e Ricardo Goulart (Dagoberto); Willian e Marcelo Moreno (Julio Batista)
Técnico: Marcelo Oliveira
SANTOS: Aranha, Cicinho, Bruno Uvini (Nailson), Edu Dracena e Mena; Alan Santos (Leandrinho), Arouca e Lucas Lima; Thiago Ribeiro, Robinho e Leandro Damião (Rildo).
Técnico: Oswaldo de Oliveira.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map