domingo, 5 de outubro de 2008

FABRICIO REVOLTADO CRITICA ARBITRAGEM E DESLEALDADE





Em entrevista coletiva ontem na Toca da Raposa, Fabrício, meio-campo do Cruzeiro, que foi duramente atingido pelo armador do Sport Recife Luciano Henrique, criticou a atitude que tem predominado no futebol brasileiro. Por um lado jogadores tem sido desleais em jogadas muito duras e por outro a arbitragem tem feito “vistas grossas”.

Fabrício estava revoltado com o lance que o tirou de campo aos 8 min de jogo no Mineirão e com a atitude do árbitro, Carlos E. Simón. Sem se preocupar em escolher palavras, Fabrício afirmou que houve deslealdade por parte do armador Luciano Henrique e falta de ação do árbitro que nem falta marcou no lance e ainda deu uma dura no jogador, mandando que ele se levantasse rápido porque não havia motivo pra tanta encenação.

O resultado será que o jogador poderá ficar até 30 dias fora dos gramados, isso dependendo ainda de exames mais específicos pra ser confirmado, exames que serão realizados até semana que vem.

Como ele próprio disse o lance não foi sem intenção porque “Eu tinha acabado de tocar a bola, o cara veio e pisou na minha panturrilha. Não existe você pisar numa panturrilha sem ver", para completar Fabrício resolveu abrir o verbo e confessou coisas importantes:

Jogadores desleais

“Parecem que querem trazer a Europa para o Brasil. Aqui é complicado fazer isso. Lá existe lealdade, aqui existem muitos jogadores mau caráter, maldosos, que vão pra te machucar. Aqui no Brasil tem muito jogador mau caráter, malandro.”

Técnicos que mandam bater

“Eu conheço dois, três treinadores que mandam pegar jogadores que estão voltando de contusão. Não vou dizer nomes. Espero que mude essa mentalidade. Vai que está perto de uma Copa do Mundo e algum atleta que jogue aqui no Brasil passe por isso?”

Diferença para o tratamento com os times de Rio e São Paulo

“Joguei cinco anos em São Paulo e é desumano. O tratamento é muito diferente para quem joga lá e no Rio de Janeiro, comparado com quem joga fora desse eixo. É um tratamento muito diferente. Jogadores que estão lá já chegaram a comentar isso comigo. Nós ficamos chateados, mas fazer o quê? É esperar alguém tomar as providências”.

Arbitragem

“Os árbitros marcam determinados jogadores, principalmente os capitães, que, para eles, são os que mais reclamam. A gente não pode falar com eles, que já vêm dando dura. Não sei se é porque ganhamos dez, quinze vezes mais que eles que já entram revoltados com a gente. Se não quer estar em campo, vai para casa, pois tem gente que quer apitar de livre e espontânea vontade. Eu pago caro por fazer essas críticas. Sabemos que os árbitros no Brasil são muito unidos”

Antes que venham as críticas já antecipamos que não se trata esse post de uma “choradeira por erros de arbitragem” como bem claro deixou o Benny The Dog no melhor blog da Globo.com , quando abordou esse assunto. Parafrasendo-o não somos uma torcida de chorões e neste caso específico, inclusive vencemos o jogo contra o Sport.

Ramires

Há alguns dias atrás o mesmo tipo de atitude teve o outro meio-campo do Cruzeiro Ramires, que foi caçado em campo e percebeu que a intenção de seus “caçadores” era atingir seu tornozelo lesionado, o que segundo ele voltou a ocorrer no jogo contra o Sport. Fabrício também relatou a agressão que sofreu no jogo contra o Palmeiras quando levou uma tapaço no rosto (de Diego Souza) e sangrou pelo nariz. O árbitro do jogo Héber R. Lopes além de ignorar o fato também xingou o capitão Celeste insinuando que não havia ocorrido a agressão.

Totalmente indignado o atleta relatou esse caso dizendo: "Eu tomei aquela cotovelada, aquele tapa no nariz, correu sangue e tudo. Tomei ‘dura’ do árbitro. ... Além de serem árbitros, eles querem dar uma de doutores lá dentro. Quando o Simon me falou ontem (quinta-feira) que não era para aquilo tudo, e se eu mandasse ele para aquele lugar e perguntasse se ele era doutor ou árbitro? Ia me dar um (cartão) vermelho e eu ia ser punido. ... Eu também fiquei chateado pela absolvição do Diego Souza. Foi intencional, tanto é que não veio me pedir desculpa", recordou.

Com tantos problemas o Futebol Brasileiro tende a ficar cada vez mais desinteressante. São jogadores indo embora do país cada mais novos, times falindo tanto por administrações criminosas como incompetentes, arbitragens cada vez mais questionadas, desrespeito ao estatuto do torcedor sendo perpetrado todos os dias e uma infinidade de problemas. Se nada for feito nosso futebol há de acabar ao longo dos anos.




Veja o lance da contusão e parte do depoimento do jogador Fabrício.


18 comentários:

Sobre o Futebol Carioca disse...

a contusão dele foi feia.

melhoras pra ele.

Arthur Virgílio disse...

Realmente estão querendo tirar o Fabrício e o Ramires, que formam a "cozinha" do meio campo cruzeirense. Parace que os adversários entram em campo dispostos a atingir o local da contusão, no caso do Ramires, o tornozelo.

A arbitragem tem que ficar de olho nisso.

BINHO ( Faltam 10 ) disse...

VOcê já sabe minha opinião Carlão. Jogador tem que jogar. Juiz é caso pra diretoria. Tanto ele, quanto Ramires, tem toda razão mas corremos o risco de ter árbitros nos prejudicando até o final do brasileiro. Não achei legal. A hora de falar isso foi errada.

robson ribeiro disse...

ACHO INJUSTAS AS VAIAS DE PARTE DA TORCIDA EM RELAÇÃO ALGUNS JOGADORES CRUZEIRENSES E TAMBÉM AO TÉCNICO ADILSON BATISTA, NESTE ULTIMO JOGO CONTRA O SPORT. O TIME ESTA FAZENDO UMA BOA CAMPANHA E ESTA ENCOSTADO NOS LIDERES PALMEIRAS E GREMIO, PORTANTO QUANDO FOR JOGAR NO MINEIRÃO, SUPOSTAMENTE PRECISA DO APOIO DO TORCEDOR, SE NÃO FICA DIFÍCIL A CONQUISTA DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE 2008. AGORA EM RELAÇÃO AS ARBITRAGENS, ELA SIM FAVORECE AOS TIMES DO RIO E SÃO PAULO E SEMPRE PREJUDICAM OS TIMES MINEIROS, POIS QUANTAS VEZES O ATLÉTICO FOI PREJUDICADO, ASSIM COMO CRUZEIRO E MESMO O IPATINGA.

robson ribeiro disse...

ACHO INJUSTAS AS VAIAS DE PARTE DA TORCIDA EM RELAÇÃO ALGUNS JOGADORES CRUZEIRENSES E TAMBÉM AO TÉCNICO ADILSON BATISTA, NESTE ULTIMO JOGO CONTRA O SPORT. O TIME ESTA FAZENDO UMA BOA CAMPANHA E ESTA ENCOSTADO NOS LIDERES PALMEIRAS E GREMIO, PORTANTO QUANDO FOR JOGAR NO MINEIRÃO, SUPOSTAMENTE PRECISA DO APOIO DO TORCEDOR, SE NÃO FICA DIFÍCIL A CONQUISTA DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE 2008. AGORA EM RELAÇÃO AS ARBITRAGENS, ELA SIM FAVORECE AOS TIMES DO RIO E SÃO PAULO E SEMPRE PREJUDICAM OS TIMES MINEIROS, POIS QUANTAS VEZES O ATLÉTICO FOI PREJUDICADO, ASSIM COMO CRUZEIRO E MESMO O IPATINGA.

Daniel Leite disse...

Fabrício é um jogador muito emotivo e impulsivo. Já se envolveu em problemas com o ex-presidente corintiano, Alberto Dualib, por conta disso. Só que agora ele tem toda razão. A entrada de Luciano Henrique foi absurdamente violenta. É preciso conter estas atitudes.

Até mais!

Danilo Damasceno disse...

Eu nem acho que o problema seja o eixo Rio São Paulo, quando Renato Augusto estava no Flamengo era super visado o cara não parava em pé, o problema é que os arbitros são muito ruins, em lances duros eles não marcam mas em faltinhas eles ficam parando o jogo. Reciclagem dessa arbitragem brasileira já.Abração

Diego Louzada disse...

OS árbitros tem sido pacientes demais com esse tipo de entrada e quem sofre são os jogadores talentosos. POr uma entrada contra o Vitória, o Leandro Amaral ficou bastante tempo fora do time do Vasco e o agressor seguiu jogando.
Se os árbitros não punem, os tribunais tinham que punir.

Abraço!

Breiller disse...

O protesto do Fabrício é válido e compreensível. Foi uma jogada dura e, realmente, nos jogos do Cruzeiro, talvez por ser uma equipe muito leve, o número de faltas tem sido absurdo. Como ele bem disse, futebol brasileiro tem de se livrar já dessa cultura européia da "botinada".

Abraço, Carlão!

Breiller disse...

Ah, e escrevi sobre a TV Cruzeiro lá no Rola Blog. Depois dá uma olhada...

Mulheres no Futebol disse...

Arbitros tem sido pacientes demais com esse tipo de entrada e quem sofre são os jogadores.

Leandrus disse...

A arbitragem realmente tem errado muito e punido de maneira errada. E quando dão cartões, as vezes dão até a mais: Jorge Henrique, do Botafogo, levou um dos cartões vermelhos mais injustos que já vi na minha vida no último sábado! O rapaz nem fez nada!

Só não concordo com o que Fabrício disse sobre a diferença de tratamento. Não sei do que ocorre lá dentro, mas vendo de fora, pra mim o tratamento é igual. Se isso acontece mesmo, é algo que deve ser investigado.

Ateh!

***pâm-lf*** disse...

Tadinho do Gui Carlão
rsrsrsrsrs....os árbitros estão todos com ciumes do craque kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Maurício Vargas disse...

Como você vê o fato de a maior parte da imprensa tirar Cruzeiro e Grêmio da lista de reais candidatos ao título, deixando apenas SP, Palmeiras e Flamengo, todos do eixo?

Perseguição ou a Raposa realmente é muito instável?

Convido a acompanhar mais uma análise do Brasileirão no Jornalismo Esporte Clube. Já estamos com 70% do campeonato transcorrido e a disputa aumenta! Quem será o campeão? E os rebaixados?

Ainda, estou montando um bolão das Eliminatórias da Copa no site da Fifa, com um prêmio surpresa ao vencedor no final da competição! Para saber como participar, é só acessar o blog Febre Mundialista: http://febremundialista.blogspot.com

Abraços!

Maurício Vargas disse...

Carlão, meu comentário foi pra saber exatamente a sua opinião sobre o time do Cruzeiro, por acompanhar mais de perto.

Para mim, é inacreditável como a imprensa daqui praticamente tira Gremio e Cruzeiro da disputa, sendo que são as equipes que estão há mais tempo na ponta. Depois se dizem imparciais.

Mas ao mesmo tempo, não dá pra esquecer que o Cruzeiro perdeu um confronto direto importante contra o Palmeiras. Então por isso pedi sua opinião

abs!

Filipe Araújo disse...

faltou dar nomes aos bois.

Abrazo!

http://gambetas.blogspot.com

Mulheres no Futebol disse...

Nova musa!!!

Saulo Milleri Biral disse...

Carlão, não só no futebol brasileiro, mas no futebol mundial tem muitos jogadores desleais ainda. São entradas violenta criminosa e a FIFA precisa fazer alguma coisa com relação a isso.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map