quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Cruzeiro vence mais uma vez o Flamengo 1x0

Cruzeiro 1 x 0 - Flamengo - Parque do Sabiá - 18ª rodada do C. Brasileiro 2010.
Robert fez o gol da vitória, aproveitando que o deixaram desmarcado.
Montillo prova que a cada partida tem mais entrosamento.

Muita luta = Era Cuca no Cruzeiro
Essa é a primeira impressão que o time na era Cuca passa ao torcedor. O time realmente tem demonstrado que acredita na vitória e a busca incessantemente, sem deixar de se preocupar com a parte defensiva. Temos que elogiar a postura imposta pelo nosso Mestre ao elenco. Se defensivamente conseguimos uma estabilização e hoje sentimos segurança nesse setor, o meio de campo parece um pouco menos efetivo que anteriormente, mas nosso setor de armação tem suprido muito bem a antiga função que era acumulada por nossos volantes-armadores.

Defensivamente
Mesmo sem a presença de Gil um dos zagueiros titulares no time de Cuca, o Cruzeiro foi bem com a boa atuação de Edcarlos e Caçapa. Esse esquema de 3 zagueiros (que ontem teve o apoio de M.Paraná, improvisado), tem dado certo, aliado a isso a mudança na função tática dos volantes (como dissemos acima) que deixaram de acumular a função de armação das jogadas tem sido um diferencial que pode estar sendo muito importante para melhorar a qualidade de nosso setor defensivo, o que nos leva a crer que nossos problemas neste setor parecem superados.

Ofensivamente
A parte de armação de jogadas, como já dissemos tem funcionado bem. Quando é possível a entrada de Roger ao lado do ótimo Montillo, o Cruzeiro fica super ofensivo e joga com muita facilidade criando ótimas jogadas. Mas, sempre tem um mas, aí esbarramos naquela que é hoje, com certeza a maior deficiência do Cruzeiro. A finalização. Não temos conseguido finalizar com qualidade. Perdemos muitos gols. Nossas 2 últimas vitórias refletem bem isso. Criamos boas jogadas mas para conseguir o gol temos tido muito mais sorte que eficiência.

Mais uma vez
Repetimos e reiteramos nosso pedido: Cuca bota essa turma para treinar finalizações. Esta difícil demais assistir tantos erros e tantos gols fáceis perdidos. Robert fez nosso gol ontem, gol importante que nos deu a vitória, mas nada nos tira da mente as jogadas e os chutes bisonhos que saíram de seus pés. Wallyson mostrou muito pouca frieza para escolher a melhor opção, se chuta ou se passa a bola para outro companheiro.

5 comentários:

Guerreira Celeste disse...

O Cruzeiro tem muitas e boas chances,mas não aproveita!!E isso pode fazer falta em algum jogo!!

disse...

Olá amigo, vamos enaltecer a vitória e a garra do time!!!!
Precisa-se melhorar a finalização do ataque do Cruzeiro urgente heheh ai ai ai


bjos mil

Guerreira Celeste disse...

Em determinado jogo,esses gols perdidos irão fazer falta!

RÁDIO RAPOSA disse...

Os jogadores mostraram que estavam com muita vontade de vencer.
Isso é meio caminho andado para formar um grande time vencedor.
Se continuarmos com esse espírito ninguem segura a Maior de Minas.
Gostei da insatisfação do Thiago Ribeiro após o jogo. Mesmo com a vitória ele reclamou de perder muitos gols.
Ao contrário do time rosinha nós queremos sempre mais e não nos contentamos com pouco.
Esse é o espírito da China Azul.

gustavo disse...

Pois é...
Atualmente, a falta de pontaria e frieza na hora das finalizações tornaram-se a base de nossas preocupações.
Quem dera se fosse uma simples questão de momento. Não é.
O que falta mesmo é o homem-gol, aquele cara que decide mesmo.
W. Paulista não é o cara. Os demais reservas, à excessão de Farias, já deram sinais de que também não têm estas características.
Então, que o Farias seja a solução.

Abraços.
Avante, Cruzeiro!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map