sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Cruzeiro empata nas alturas: 0x0

Universitário de Sucre (Bol) 0 x 0 Cruzeiro -  Estádio Olímpico Pratia - 1ª rodada - Libertadores
Jogo estranho
Se não ficou muito claro o impacto físico da atitude sob nossos atletas, o impacto técnico ficou evidente. Faltou analisar se o impacto técnico negativo foi proveniente dos fatores diretamente ligados à altitude ou se foram desencadeados pelo impacto físico que nos pareceu imperceptível, ou quase. Explicando melhor. Os jogadores não demonstraram claramente que sentiram o problema da altitude. Pode-se dizer que nenhum jogador foi substituído por problemas físicos. Porém ficou nítido e claro que o efeito da altitude, que torna o ar rarefeito, confundiu nossos atletas e os passes errados foram inúmeros, além disso dava para perceber que eles erravam o tempo de bola, muito provavelmente porque nestas condições a bola fica mais rápida, viaja com maior velocidade pelo ar.

O jogo
Não foi um bom jogo, muito truncado, bolas em longos lançamentos e chances de gol perdidas pelos dois times. Fábio fez umas duas (pelo menos) defesas milagrosas. A arbitragem nos prejudicou num lance capital onde Marquinhos tinha tudo para fazer o gol da nossa vitória, marcaram uma falta inexistente. Aliás, erraram bastante os "homens de preto", para os dois lados. O Cruzeiro jogou dentro do que pode e com o empate conseguiu até, pelas circunstâncias um bom resultado, já que após a infantil expulsão de Joel ficamos mais vulneráveis.

Destaques
Marquinhos resolveu ser mais participativo e tem sido destaque em todos os jogos do Cruzeiro este ano. Para tristeza de muitos de seus algozes. Willians estreou com firmeza e deu outra cara a nosso meio-campo. O xará, Willian correu muito mas não foi tão efetivo. Paulo André tem condições de ser titular. Fábio foi seguro, Léo comprometido juntamente com Henrique, como sempre. Damião tem feito o que pode para ajudar o time, tem sido imprescindível. Mena também tem se mostrado como uma boa opção, já Fabiano ainda precisa treinar muito os lançamentos na área. O time precisa de tempo, só isso, estamos no caminho certo.


FICHA TÉCNICA
UNIVERSITÁRIO DE SUCRE-BOL 0 X 0 CRUZEIRO
Local: Estádio Olímpico Pratia, em Sucre (Bolívia)
Data: 25 de fevereiro de 2015, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Omar Ponce (EQU)
Assistentes: Carlos Herrera e Luis Vera (EQU)
Cartões amarelos : Gonzáles (Universitário Sucre). Willian Farias (Cruzeiro)
Cartão vermelho : (Cruzeiro) Joel
UNIVERSITÁRIO DE SUCRE-BOL: Robles; Camacho, Gonzáles, Filipetto e Ballivián; Ribera (Mercado), Silvestre (Urdininea), Cuesta, Bejarano e Castro; Palavicini
Técnico: Baldivieso
CRUZEIRO: Fábio; Fabiano, Paulo André, Léo e Mena; Henrique, Willian Farias (Willians), Marquinhos e De Arrascaeta (Judivan); Willian (Joel) e Leandro Damião
Técnico: Marcelo Oliveira
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map