segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Cruzeiro empata e traz um ponto para Minas : 1x1

Palmeiras 1x 1 Cruzeiro - Pacaembu -  21ª Rodada - Brasileiro 2011
Montillho recebeu passe de Bobô e fuzilou para o gol.

Dureza
O jogo começou e permaneceu muito duro durante todo o 1º tempo, duro inclusive de se ver. Os times não saiam da zona central do campo. Um perde e ganha danado, muita marcação e muitas jogadas duras. Não se viam jogadas mais incisivas. Tudo se desenhava para a concretização de um empate justo, como de fato acabou ocorrendo. O Palmeiras tinha pelo menos dois desfalques importantes: Kleber e Valdívia. Já o Cruzeiro, pôxa, fica até difícil falar. Nosso ataque esta desfigurado. No meio tivemos a falta do Fabrício e nossa defesa também foi praticamente desmantelada. Na lateral tivemos uma improvisação de um lado e de outro um jovem que estreou no time principal recentemente. Aliás, Gabriel Araújo agradou! Com certeza tem futuro e se continuar no time vai desbancar Diego Renam.

Algo mudou
No intervalo parece que os dois times combinaram em valorizar mais o espetáculo e assim tivemos um 2º tempo bem melhor. Montillo realmente o melhor em campo não só pela sua qualidade que destoa no time, mas também pela sua luta incessante. O argentino não desanima e seu gol, que nos garantiu o empate é prova disso. Outro que vem subindo de produção é Charles que a continuar assim, a meu ver, suprirá a possível (?) saída de Fabrício, quem sabe até lucraremos. Rafael não espalmou a bola para o lado como se deve e o Palmeiras abriu o marcador aos 24. Quando já não acreditávamos mais Montillo brilhou e aos 40 fez nosso gol. Pronto, tudo indicava que agora era só esperar pelo apito final, mas não, Gilberto num lance duvidoso, mas que sem dúvidas foi muito imprudente, o que contrasta com sua experiência, fez pênalti em João Vitor que Marcos Assunção cobrou mal, no meio do gol e a bola bateu nas pernas de Rafael. Agora sim, nosso empate estava garantido.

Papai Joel x Emerson Ávila
É muito cedo para notar diferenças entre os dois técnicos, mas se Joel Santana chegou e se foi sem saber quase nada do Cruzeiro, sem dar padrão ao time, sem nos deixar convictos de que realmente TREINAVA o time, Emerson, ao contrário sabe tudo do Cruzeiro. Tem conhecimento de tudo referente ao clube e tenho certeza tem muito, mas muito mais à oferecer ao clube que Joel Santana, que nem deveria ter sido contratado. Mais um erro da diretoria. Emerson, acredito, só não terá sucesso no time se houver problemas no relacionamento com jogadores como Gilberto, Roger, Fabrício ou Wellington Paulista. Esse lado dele ainda não conhecemos, o de administrar as vaidades dos jogadores. Fora isso acredito que levará o Cruzeiro a uma posição bem mais digna na tabela.

Um comentário:

RÁDIO RAPOSA disse...

Acho que esse é o segredo do futebol de hoje em dia, administrar as vaidades dos jogadores. Falou tudo!
Acredito que o Ávila fará um bom trabalho. Pelo menos o nome dos jogadores ele sabe.. heheheh

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map