segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Com placar econômico, Cruzeiro vence cariocas: 1x0

Cruzeiro 1 x 0 Flamengo - Mineirão - 19ª Rodada - Camp. Brasileiro de 2013 
Ricardo Goulart marcou e nos deu a vitória.
O placar
Foi mesmo muito econômico. Também duas bolas na trave e um pouco de falta de sorte nos fizeram suar um pouco a mais na tarde de ontem para ver o Maior de Minas completar seu 18º jogo no NOVO MINEIRÃO onde vencemos 17 partidas e empatamos uma. Uma marca considerável e muito animadora para a torcida que já começa a sonhar com o Tri-Campeonato.

Arbitragem
Péssima a arbitragem do gaúcho nesta partida. Eu nem queria comentar arbitragem já que por mais que não tenham sido totalmente aceitáveis pelo menos até aqui não nos causou um grande prejuízo. Ontem sim, dificultou muito nossa vitória e se o adversário fosse um tiquinho mais qualificado não veríamos o Cruzeiro como vencedor. O juizinho marcava TUDO, absolutamente TUDO PARA O FLAMENGO (talvez impressionado com a dura que o Mano lhe deu), já para o Cruzeiro não marcava quase nada. Deu mais cartões para os Azuis e poupou demais os rubro-negros. Deu cartão para Ricardo Goulart que sofreu (foi tocado sem bola pelo goleiro) um pênalti que o juiz teve a coragem de interpretar como SIMULAÇÃO. Absurdo! Desnecessário dizer qual seria a interpretação se o lance fosse CONTRA o Cruzeiro.

O jogo
Não foi um jogo difícil. Como dissemos não fosse a teima da bola em não entrar nas redes e a péssima arbitragem, a vitória teria sido até mais rápida. O Flamengo é um time muito fraco ofensivamente, aliás fraquíssimo. Com a fama de goleador do Cruzeiro os flamenguistas vieram ao Mineirão buscar o empate e para isso lutaram bravamente. O Cruzeiro arma muitas jogadas, mas excede na quantidade de toques. Ontem nos perdíamos na retranca carioca e tivemos certa dificuldade de marcar nosso único gol.

Nosso pupilo
Everton Ribeiro precisa de uns conselhos. Chega de enfeitar jogadas e dar toquinhos curtos. Precisa ser mais objetivo e principalmente efetivo. Deixa para fazer gols de placa quando estivermos goleando por 3 gols de diferença. Claro que ele é ótimo jogador, que é um dos diferenciais do time, mas ele seria muito mais produtivo se jogasse com mais objetividade, não é uma cornetada, é uma observação feita pelo bem do Cruzeiro.

#fechadocomoCruzeiro
FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 1 X 0 FLAMENGO

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 08 de setembro de 2013 (Domingo)
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (SP) e Nadine Schramm Camara Bastos (SC)
Cartões amarelos: Egídio, Ricardo Goulart e Lucas Silva (Cruzeiro); Cáceres e Bruninho (Flamengo)
Gol:
CRUZEIRO: Ricardo Goulart, aos oito minutos do segundo tempo

CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Dedé, Bruno Rodrigo e Egídio (Mayke); Lucas Silva, Nilton, Everton Ribeiro e Ricardo Goulart; Willian (Alisson) e Borges (Dagoberto)
Técnico: Marcelo Oliveira

FLAMENGO: Paulo Victor; Leonardo Moura, Samir, Wallace e André Santos; Luiz Antônio, Cáceres (Carlos Eduardo), Elias e Gabriel (Bruninho); Rafinha (Nixon) e Hernane
Técnico: Mano Menezes

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map