quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Cruzeiro perde sua 2ª partida em casa, mas quem se preocupa? 2x1

Cruzeiro 1 x  2 Bahia - Mineirão - 37ª rodada - Camp. Brasileiro 2013
Foto Oficial do Campeão Brasileiro de 2013 - Cruzeiro Esporte Clube.
É festa
Não há nenhuma hipocrisia em dizer que não nos importou a derrota. Claro que no "calor da batalha" se uma pesquisa fosse feita logo após o jogo a maioria diria estar se sentindo mal com a derrota, mas isso durou flácidos 5 minutos entre o gol que deu a vitória ao Bahia, o fim do jogo e a armação do tablado onde os atletas receberiam suas medalhas e a esperada Taça do Campeão Brasileiro.  Gente para com bobagens, o que DE FATO interessa é a festa do TRICAMPEONATO, isso é que emociona, isso é o que vai ficar gravado nas nossas mentes e corações.

 Ainda bem
Que o adversário era o Bahia. Um Bicampeão Brasileiro, um time que como os outros fora do eixo Rio-São Paulo é tão discriminado por mídia, CBF e afins, ainda mais, lembrando que é nordestino. Haja preconceito contra essa gente sofrida. Desta forma foi bom demais ter ajudado o Bahia e não um time do Rio ou S.Paulo, acho que a reação da torcida seria inflamada se assim fosse. O Bahia jamais havia vencido o Cruzeiro em Belo Horizonte, nada mais importante para os atletas que vencer o Tricampeão em sua casa e ainda livrar seu time em definitivo da segundona deixando dois clubes cariocas no sufoco. Eu posso até dizer que alguns torcedores nem viram o time perder o jogo, já que o gol do time baiano foi aos 45 do 2º tempo. Não viram, não querem ver e nem saber...
É festa II
Só uma coisa importava ver a torcedora do Bahia (por causa do irmão que é jogador) e do Cruzeiro (confira o facebook dela onde curte a página clicando aqui) se empolgando e levantando a camisa no Mineirão. Só uma coisa interessava depois de 37 rodadas que era vez nossos guerreiros levantarem a taça de campeão. É isso que importa, que se dane o placar do jogo, VAMOS FESTEJAR nosso tricampeonato sem nos preocuparmos com esse detalhe (porque É um detalhe) do placar. TRI, TRICAMPEÃO.
Isabella Costa, irmã do jogador Demerson empolgou-se além da conta.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 1 X 2 BAHIA
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 01 de dezembro de 2013, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes: Márcia Bezerra Lopes Caetano (RO) e Fabiano da Silva Ramires (ES)
Cartões Amarelos: Dagoberto (Cruzeiro), Hélder e Fahel (Bahia)
Gols: CRUZEIRO: Vinícius Araújo, aos 39 minutos do segundo tempo
BAHIA: Marquinhos, aos 15 minutos do primeiro tempo, e Anderson Talisca, aos 45 minutos do segundo tempo
CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Dedé, Bruno Rodrigo e Egídio; Lucas Silva, Souza Everton Ribeiro (Júlio Baptista) e Ricardo Goulart (Willian); Dagoberto e Borges (Vinícius Araújo)
Técnico: Marcelo Oliveira
BAHIA: Marcelo Lomba; Rafael Miranda, Demerson, Titi e Raul; Fahel, Hélder, Anderson Talisca e William Barbio (Fabrício Lusa); Marquinhos (Diones) e Fernandão (Souza)
Técnico: Cristóvão Borges

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map