quinta-feira, 27 de março de 2014

Em jogo complicado Cruzeiro confirma e aumenta vantagem: 1x0

Boa 0 x 1 Cruzeiro - Melão - Jogo de ida - Semifinais - Camp. Mineiro 2014

Jogo complicado
A afirmação do técnico após o jogo confere totalmente com a realidade "Quem está no futebol sabe que não tem mais jogo fácil". Não tem mesmo. O Boa vendeu caro sua derrota para o Cruzeiro. Jogando em casa o time que não é nenhum primor mostrou o que poderia mostrar com sua estrutura diminuta e sua realidade bem distante da do adversário. Mostrou empenho, obediência tática e foi um time aplicado em campo. O Cruzeiro lutou muito mas esbarrou hora na falta de pontaria dos seus atacantes, hora na espetacular eficiência do goleiro do Boa, hora na trave e por vezes na incapacidade do trio de arbitragem.

Muitas chances
Só bolas na trave foram 3. Tivemos gol anulado e pênalti a nosso favor não marcado. Defesas incríveis do goleiro Leandro no entanto foram o destaque do jogo. Marcelo Oliveira desta vez substituiu corretamente, apenas poderia ter entrado com Elber no lugar do Alisson. De resto fez o que se esperava. Júlio Batista que vem numa ascendente marcou o único gol da partida (e também o que foi anulado) e nos deu a vitória importante para que não hajam sobressaltos no próximo jogo.

Nas finais
O Cruzeiro esta praticamente garantido nas finais do Mineiro 2014. Só uma ocorrência estratosférica tiraria o Maior de Minas da final da competição, não pela vantagem em si que o Cruzeiro conquistou, mas pela diferença técnica, de estrutura e de tamanho dos dois clubes. O Cruzeiro é o único invicto da competição e o que apresentou o futebol mais digno de ser o futuro campeão mineiro conquistando 6 pontos a mais que o adversário que mais próximo dele chegou. Aproximando-se a final é bom que o Cruzeiro não se esqueça de exigir arbitragem de fora de Minas nas finais, não podemos correr os riscos que corremos no passado.



FICHA TÉCNICA:
BOA ESPORTE 0X1 CRUZEIRO
Local:  Estádio Municipal de Varginha, em Varginha (MG)
Data: 23 de março de 2014
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Igor Junio Benevenuto (CBF/FMF)
Assistentes:  Janete Mara Arcanjo (Fifa/FMF) e Pablo Almeida Costa (CBF/FMF)
Cartões amarelos: Cruzeiro: Júlio Baptista, William e Lucas Silva Boa Esporte: Vinícius Hess
Gols: Júlio Baptista (Cruzeiro), aos 42 minutos do ST
Boa Esporte: Leandro; Edmar, Neylor, Mateus e Marinho Donizete; Vinícius Hess, Moisés Ribeiro, Marcel e Betinho; Malaquias (Filipinho) e Bruno Aquino (Hudson)
Técnico: Ney da Matta
Cruzeiro: Fábio; Mayke, Dedé, Bruno Rodrigo e Samudio; Lucas Silva (Henrique), Nilton; Everton Ribeiro, Ricardo Goulart (Alisson) e William (Marcelo Moreno); Júlio Baptista
Técnico: Marcelo Oliveira

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map