quinta-feira, 15 de maio de 2014

Arbitragem adia sonho do Tri Celeste: 1x1

Cruzeiro 1 x 1 San Lorenzo - Mineirão - Jogo de volta das Quartas de final - Libertadores 2014

Como pode?
O Cruzeiro é mais uma vez muito prejudicado pela arbitragem. Dois pênaltis e uma falta perigosa não foram assinalados. Só aí já daria para saírmos classificados (confiando que um pênalti é mais de meio gol). Como sempre dizem enquanto nós FALAMOS, ELES HABLAM... Será que vai ser sempre assim? Estranho é que não houveram erros contra os argentinos. Fica claro que o árbitro no mínimo, não tinha tanto interesse nas jogadas onde haviam lances duvidosos à favor do time Celeste.

Como assim?
Na realidade a arbitragem nos prejudicou claramente, mas nós mesmos não fizemos por merecer. Também a sorte (olhe as preces Papais aí) não estava do nosso lado. Um time que precisava fazer dois gols a mais que o adversário tinha que entrar LIGADO, concentrado no jogo e o que vimos? O San Lorenzo fazendo um  gol logo aos 9 minutos. Como assim??? Assim não dá né? Depois foi um corre-corre danado, muita vontade (não faltou mesmo) mas nenhuma eficiência. Aquele lance do Marcelo Moreno, o maior nome do jogo, foi CAPITAL para compreendermos que NÃO ERA NOSSA NOITE. A danada da bola, bate nas duas traves e calmamente, numa tremenda má vontade passeia livremente pela linha do gol e NÃO ENTRA.

O time
O jogo foi bom. O Cruzeiro criou boas chances mas não conseguiu nada a não ser um belo (mais um) cabeceio de Bruno Rodrigo que foi nosso gol de honra. Fora isso algumas boas jogadas mas nada que realmente fosse efetivo. A entrada de Dagoberto melhorou muito o time, bem como a escalação como titulaar de Marcelo Moreno, mas ontem tivemos um Henrique abaixo da média usual, um Nilton que não é nem o rascunho do que foi em 2013. Um Everton Ribeiro que só enrola, chuta mal e não consegue uma jogadinha sequer parecida com as maravilhas que fez com a bola em 2013. Júlio Batista é uma incógnita. Às vezes até joga bem, mas deve muito mais. Não tem conseguido fazer nada de produtivo. Willian também não voltou de 2013 ainda. Marcelo Oliveira tem um desafio, fazer este time JOGAR novamente.



FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 1 X 1 SAN LORENZO
Local:  Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 14 de maio de 2014, quarta-feira
Horário: 22h (de Brasília)
Árbitro: Martín Vásquez (URU)
Assistentes: Miguel Nievas e Carlos Pastorino (ambos do Uruguai)
Cartões amarelos: (Cruzeiro) Dedé (San Lorenzo) Mercier, Matos, Kannemann, Torrico
Cartão vermelho: (San Lorenzo) Romagnoli
Gols: Cruzeiro: Bruno Rodrigo, aos 25 minutos do segundo tempo
San Lorenzo: Piatti, aos nove minutos do primeiro tempo
CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Dedé, Bruno Rodrigo e Samudio (Egídio); Nilton (Dagoberto), Henrique, Everton Ribeiro e Júlio Baptista (Ricardo Goulart); Willian e Marcelo Moreno
Técnico: Marcelo Oliveira
SAN LORENZO: Torrico; Buffarini, Valdes, Gentilette e Mas; Mercier, Ortigoza, Piatti (Kannemann) e Villalba (Kalinski); Correa (Romagnoli) e Matos
Técnico: Eduardo Bauza

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map