quarta-feira, 28 de maio de 2014

Cruzeiro joga bem e vence Inter no Sul: 3x1

Internacional 1 x 3 Cruzeiro - Est. Centenário - 7ª rodada - Brasileirão 
Goulart fez um dos mais improváveis e impossíveis gols entre os que já foram feitos.

Moreno mostrou que 2014 é o ano dele no Cruzeiro. Willian também deixou o seu.
Jogo bom
O Cruzeiro jogou uma grande partida. Talvez não tão vistosa aos olhos do torcedor, sobretudo no 1º tempo, mas a estratégia de jogo era mesmo esta. Jogar com inteligência, atrair o inimigo e lhe aplicar um contragolpe mortal. O 1º tempo então foi como um jogo de xadrez, estudado e pensado em cada jogada. Fizemos uma grande partida e depois de aniquilar o Inter fizemos o nosso jogo no 2º tempo, com belas jogadas e mais 2 gols que nos deram uma vitória consistente contra um rival direto na busca do título e mais importante, jogando em seus domínios. Tem de ser feito o registro do gol de Ricardo Goulart. Que foi aquilo? Um dos gols mais improváveis da história do Cruzeiro, um dos mais difíceis. Coroou a garra, a vontade e a persistência do ARTILHEIRO.

Time de mais de 11 titulares
Esse é o Cruzeiro, tanto de 2013 como de 2014. Marcelo Oliveira tem sabido, como poucos, transformar um time de 11 em 12, 13 ou 14 titulares. Este jogo com o Inter foi uma prova inconteste disto. Willian entrou ao iniciar o 2º tempo e jogou uma de suas melhores partidas nesta temporada. Fez um gol de jogador inteligente e deu uma assistência perfeita no gol do Marcelo Moreno que descontruiu a defesa colorada. O xará dele William Farias também jogou sua melhor partida no Cruzeiro. Enfim parece que entrosou. Protegeu bem a zaga e fez grande parceria com Henrique, um leão em campo, como sempre. Everton Ribeiro também jogou muito, melhorou e nos deu a impressão que o ER de 2013 esta voltando. Deu um passe MAGISTRAL para o gol de Willian. Egídio fez muito bem seu papel, tanto defensivo como ofensivo.

Futebol vencedor
O Cruzeiro jogou muito bem nesta partida, já dissemos. Este futebol é o futebol vencedor. O time joga exatamente como deveria, se posta em campo com total obediência tática e ciente da situação desempenha como planejada a estratégia para aquele jogo. O resultado não vai ser diferente, a conquista do objetivo, que é claro é somar pontos sempre. Este é o caminho. Temos bons jogadores, um elenco completo e reforçado, um técnico inteligente, que conhece o futebo, que tem ótimo trato com os atletas, um clube super bem estruturado, uma torcida MARAVILHOSA. Nos falta só isso, fazer o planejamento e executá-lo inteiramente. Assim com certeza o Tetra pode vir sem tanta dificuldade, ou melhor, ainda com mais facilidade que o Tri. Avante Cruzeiro!



FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 1 X 3 CRUZEIRO
Local: Estádio Centenário, em Caxias do Sul (RS)
Data: 25 de maio de 2014, domingo
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Paulo Henrique Bezerra (SC)
Assistentes:   Kleber Lúcio Gil (Fifa-SC) e Carlos Berkenbrock (SC)
Cartões amarelos: Wellington (Inter). Dagoberto, Ricardo Goulart (Cruzeiro)
GOLS: INTER: Wellington, aos 38 minutos do primeiro tempo
CRUZEIRO: Ricardo Goulart, aos 42 minutos do primeiro tempo. Willian, aos 24, e Marcelo Moreno, aos 41 minutos do segundo tempo
INTERNACIONAL: Dida; Diogo, Ernando, Juan e Fabrício; Willians, Wellington (Jorge Henrique), Otávio (Eduardo Sasha), D’Alessandro e Valdívia (Aylon); Wellington Paulista
Técnico: Abel Braga

CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Léo, Bruno Rodrigo e Egídio; William Farias, Henrique, Everton Ribeiro (Tinga) e Ricardo Goulart; Dagoberto (Willian) e Marcelo Moreno (Borges)
Técnico: Marcelo Oliveira

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map