quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Derrota não muda nada na ponta da tabela: 3x2

Cruzeiro 2 x 3 Atl-MG - Mineirão - 23ª rodada - Brasileiro 2014
Nem sempre vence o melhor
O Cruzeiro jogou o tempo inteiro muito mais que o rival. Atacou mais, teve mais posse de bola, teve mais jogadas ofensivas, dominou inteiramente as ações no jogo. Sofreu um gol bobo, aos 38 do 1º tempo, num contra-ataque que, não fosse a bobeira do Everton Ribeiro seria impugnado por impedimento. Aliás, como time pequeno que é o zebrado de Vespasiano jogou recuado, só nos erros do Cruzeiro, só explorando contra-ataques. A maior prova da situação que explicamos a seguir é que no minuto seguinte, o Cruzeiro foi novamente surpreendido e levou o 2º gol. As ROSINHAS jogam TODOS os jogos contra o Cruzeiro como se fosse uma final de campeonato, já o Cruzeiro, enfrenta os zebrados como a qualquer rival, sem se preocupar excessivamente com uma possível derrota, como é o caso delas. Lá eles raciocinam que é melhor ganhar do Cruzeiro que vencer campeonatos ou conquistar títulos.

Uma quase reação
Antes ainda do fim do 1º tempo o Cruzeiro esboçou uma reação fazendo seu 1º gol. Foi o suficiente para acalmar os nervos e deixar as Rosinhas inquietas para a etapa final do jogo. Aliás o gol Celeste sim, foi digno de um grande time, numa boa jogada toda construída por Everton Ribeiro que deu a bola açucarada para Ricardo Goulart empurrar para o gol. Aos 7 do 2º tempo Alisson, de voleio faz um belo gol, o 2º do Cruzeiro. O Melhor em campo não merecia nem só o empate mas para piorar tomaria outro gol no finzinho do jogo aos 45 do 2º tempo, exatamente para deixar bem claro que quem não faz leva. Jogamos muito mais, mas não tivemos a fome de gol que as rosinhas tiveram. Perdemos nossa invencibilidade em casa.
Sem mudanças
Na tabela não houveram mudanças então, a grosso modo, podemos dizer que essa derrota significou muito pouco pois o que importa é mesmo LEVANTAR A TAÇA ao contrário do time de Vespasiano que SEMPRE SÓ ALMEJA derrotar o MAIOR DE MINAS. São Paulo perdeu também o clássico e continuamos 7 pontos à frente do vice-líder. Vida que segue.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 2 X 3 ATLÉTICO-MG
 

Local : Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG) 
Data: 21 de setembro de 2014, domingo 
Horário: 16h (de Brasília) 
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa/RJ) 
Assistentes: Rodrigo F. Henrique Correa – RJ (ESP-1/RJ) e Rodrigo Pereira Joia (Fifa/RJ) 
Público: 51.069 pagantes 
Cartões amarelos: Leandro Donizete e Diego Tardelli (Atlético-MG) 
Gols: CRUZEIRO: Ricardo Goulart aos 46 minutos do primeiro tempo; Alisson aos 6 minutos do segundo tempo; ATLÉTICO-MG: Carlos, aos 38 minutos do primeiro tempo e aos 45 do segundo tempo; Diego Tardelli aos 40 minutos do primeiro tempo 

CRUZEIRO: Fábio, Mayke, Dedé, Léo e Egídio; Henrique, Lucas Silva, Éverton Ribeiro; Ricardo Goulart (Willian) e Alisson (Dagoberto); Marcelo Moreno (Borges) 
Técnico: Marcelo Oliveira 

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Emerson Conceição (Douglas Santos); Leandro Donizete, Dátolo, Diego Tardelli e Guilherme (Eduardo); Carlos e Luan (Josué) 
Técnico: Levir Culpi

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map