quinta-feira, 27 de julho de 2017

Com justiça Cruzeiro avança às semi finais na Copa do Brasil: 1x1

Cruzeiro 1 x 1 Palmeiras - Mineirão - Quartas de final - Jogo de volta - Copa do Brasil 2017
Diogo Barbosa marcou o 1º com a Camisa Celeste e quem sabe um dos mais importantes de sua carreira.
Jogo duro
Foi mesmo um jogo duro, disputado em cada palmo do campo. Marcação segura, próxima, dura e às vezes até feita com força excessiva. Um jogo de decisão com certeza. Não valia título mas como era um duelo de gigantes parecia um jogo de final de campeonato. Os times tinham, sobretudo o Palmeiras um cuidado bastante grande em não se descuidar da defesa e tomar um gol. O Cruzeiro se insinuava mais, atacava mais e tinha as melhores chances ofensivas. O Palmeiras tinha maior posse de bola mas era menos efetivo no ataque. Tudo se desenrolava de maneira nervosa e o torcedor roía as unhas. Não dava para saber quem se classificaria. Claro que a cada volta do relógio o beneficiado era o Cruzeiro que com o empate se classificaria, mas o jogo era muito difícil, um gol poderia sair a qualquer momento, fruto de uma bela jogada (embora o Palmeiras se mostrasse muito sem inspiração) ou de um erro do adversário. 

O jogo
O Cruzeiro não tinha posse de bola mas quando tinha atacava. Já o time paulista ficava tocando bola tentando achar um caminho o que não ocorria. Aos 25 do 2º tempo Keno achou um gol. Deu um chute meio despretensioso, um chute comum mas deu a sorte que a bola desviou em Lucas Romero e enganou Fábio. Foi uma comemoração efusiva dos verdes. O gol lhes garantia participar da Semifinal. O Cruzeiro que já era melhor ofensivamente foi-se todo para o ataque e deu muita canseira ao paulistas. Agora as voltas do relógio favoreciam os paulistas e enervavam os azuis. O Cruzeiro continou atacando e o Palmeiras deu uma recuada, se já não atacava agora queria só ensebar o jogo. Foi quando Alisson pela esquerda mandou uma bola na medida para que Diogo Barbosa fizesse um lindo e importantíssimo gol aos 39 minutos do 2º tempo quando as esperanças já se esvaiam nos corações azuis. O 1º gol de D.Barbosa com a camisa azul e um gol que ele com certeza não esquecerá. O Cruzeiro com justiça pelo melhor futebol apresentado agora é que estaria na Semifinal.


Jogo emocionante
Mesmo sem os muitos gols dos jogos anteriores que Cruzeiro e Palmeiras fizeram, este jogo também não deixou de ser emocionante. Um grande jogo e um espetáculo para quem aprecia o esporte bretão. Um jogo de tática, de aplicação técnica, de marcação efetiva e ostensiva, de garra, de superação. O Cruzeiro mereceu a classificação porque mesmo estando em situação melhor que o time paulista, pois, só precisava de um empate em 0x0 ou 1x1 ou 2x2 buscou a vitória o tempo todo. Foi surpreendido no chute do atacante palmeirense e na infelicidade de L. Romero, mas teve determinação, mostrou vontade e buscou novamente a igualdade no placar que lhe favorecia.
Valeu Celeste, mais uma página para a história do Mairo de Minas.


FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 1 x 1 PALMEIRAS
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 26 de julho de 2017, quarta-feira
Horário: 21h45 (Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO)
Assistentes: Bruno Raphael Pires Cristhian Passos Sorence (FIFA-GO)
Cartões amarelos: Alisson, Arrascaeta e Thiago Neves (CRU); Mina, Egídio e Edu Dracena (PAL)
Gols:
CRUZEIRO: Diogo Barbosa, aos 39 minutos do 2º Tempo
PALMEIRAS: Keno, aos 25 minutos do 2º Tempo
CRUZEIRO: Fábio; Lucas Romero, Léo, Murilo e Diogo Barbosa; Henrique, Ariel cabral e Elber (Arrascaeta); Thiago Neves; Rafael Sobis (Raniel) e Alisson (Lucas Silva)
Técnico: Mano Menezes
PALMEIRAS: Jailson; Jean, Yerry Mina, Edu Dracena e Egídio; Thiago Santos e Felipe Melo (Raphael Veiga); Roger Guedes, Guerra (Keno) e Dudu (Tchê Tchê); Borja
Técnico: Cuca

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map