domingo, 17 de setembro de 2017

Cruzeiro bate o Bahia e segue no G6: 1x0

Cruzeiro 1 x 0 Bahia - 24ª rodada - Brasileirão 2017
Léo fez bem o seu trabalho e também o do pessoal do setor ofensivo.
Graças ao Léo
Pois é, se os atacantes não conseguem acertar o gol precisou do Léo acertar uma cabeçada mortal e fazer o gol que garantiu nossa vitória hoje. Jogamos melhor, merecemos a vitória, mas, mais uma vez nosso ataque não conseguiu produzir o que seria seu dever de ofício: o gol. Armamos muitas e boas jogadas ofensivas mas no momento final, o momento do arremate das jogadas, por erro de pontaria, por, em alguns casos preciosismo e em outros, um pouco de displicência e/ou falta de qualidade a bola não entrava. Até um pênalti hoje, foi perdido por Thiago Neves. Treinamento, Mais treinamento, afinal com uma semana de folga não podem dar a desculpa de desgaste ou cansaço. Ou podem?

O jogo
Começamos melhor mas o Bahia era atrevido no 1º tempo e nos dava algum trabalho. Mesmo com o estado do gramado em precárias condições, tocávamos bem a bola do meio para frente. Envolvíamos os Bahia mas não conseguíamos finalizações perigosas. Já no 2º tempo o Cruzeiro voltou mais focado na vitória que o Bahia. Fomos definitivamente em busca do nosso gol. Aos 17 minutos do 2º tempo Léo aproveitou bem cobrança de escanteio de Thiago Neves e abriu o placar. A torcida havia acordado minutos antes e apoiava o time que logo chegou ao gol da vitória. Já aos 38 Lucas Silva foi expulso e mesmo em inferioridade numérica o Cruzeiro não passou sufoco. Conseguiu administrar bem o resultado e garantiu a manutenção do placar de vitória. 

Destaques 
Arrascaeta jogou pouco hoje, poderia ter entrado mais cedo. Precisa ganhar ritmo, ô Manô! Robinho tem sido um ponto negativo no time (ele mesmo tem reconhecido isso, felizmente). De tão importante para o time no 1º semestre, tem sido um tímido coadjuvante. Não fez nada hoje. Thiago Neves de destacado teve só o lance da perda do pênalti. Raniel lutou muito mas hoje, também não estava inspirado. Mostrou disposição pelo menos. Rafinha estava anêmico. Diogo Barbosa lutou muito mas também não foi eficiente como outrora. Henrique jogou muito e mais uma vez se doou, Hudson, nem tanto. Léo, Murilo e Fábio foram brilhantes, destaques do jogo, principalmente Léo pelo gol e ótima atuação e Fábio pela ótima atuação. Avante Azul.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO 1 x 0 BAHIA
Local: Estádio Mineirão, Belo Horizonte (MG)
Data: 17 de setembro de 2017, domingo
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Wagner Reway (MT)
Assistentes: Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Fábio Rodrigo Rubinho (MT)
Cartões amarelos: Henrique, Raniel, Robinho e Thiago Neves (CRU); Vinícius (BAH)
Cartão vermelho: Lucas Silva (CRU)
Gols:
CRUZEIRO: Léo, aos 17 minutos do 2º tempo
CRUZEIRO: Fábio; Ezequiel, Léo, Murilo e Diogo Barbosa; Henrique, Hudson (Lucas Silva), Thiago Neves, Robinho (Rafael Sobis) e Rafinha (Arrascateta); Raniel
Técnico: Mano Menezes.
BAHIA: Jean; Eduardo, Tiago (Thiago Martins), Lucas Fonseca e Juninho Capixaba; Edson e Juninho; Zé Rafael, Vinícius (Edgar Junio) e Mendoza; Rodrigão (Hernane)
Técnico: Preto Casagrande

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vão pra lá, venham pra cá, naveguem pois:

Notícias do Maior de Minas - Site Oficial

Globo Esporte

Você no mapa:


Visitor Map